23 de novembro de 2016

Abertura da Balada Literária | INGRESSOS ESGOTADOS

Abertura da Balada Literária | INGRESSOS ESGOTADOS

Na quarta-feira 23 de novembro, às 20h, o Auditório Ibirapuera será palco da abertura da Balada Literária, que em 2016 chega à sua 11a edição. As irmãs Alzira Espíndola e Tetê Espíndola e o cantor Ney Matogrosso apresentam o espetáculo Em Tercina, com um repertório formado a partir das influências da região da fronteira de Mato Grosso, resgatando clássicos populares, guarânias e polcas

O show será precedido pela entrega do Prêmio Donizete Galvão, que neste ano será concedido a Sérgio Vaz, poeta, cronista, agitador cultural e um dos criadores do Sarau da Cooperifa. Segundo Marcelino Freire, criador e curador da Balada Literária, “Sérgio Vaz é um articulador que mobiliza várias pessoas em torno da literatura e da poesia, assim como foi Donizete Galvão [1955-2014]. O prêmio é uma maneira de celebrarmos a memória desse grande poeta e jornalista que nos deixou há dois anos”.

A Balada Literária – ou Balada da Amizade, como também está sendo chamada nesta edição – presta uma homenagem ao jornalista, dramaturgo e escritor gaúcho Caio Fernando Abreu (1948-1996). “É outra figura que viveu cercada de muitos amigos; inclusive, alguns deles estarão presentes no evento, como Ney Matogrosso”, fala Marcelino. “Caio fez muito pela literatura. Produziu inúmeros contos e crônicas. Faz 20 anos desde sua morte, mas ele é um autor cada vez mais atual nas redes sociais. Muitos jovens descobrem os textos dele, que falam das diferenças e celebram as diversidades. Num momento tão careta como este em que a gente vive, nada mais justo do que celebrar esse escritor.”

Depois da abertura no Auditório Ibirapuera, a Balada Literária prossegue até o dia 27 de novembro em outros endereços da cidade de São Paulo, com uma série de atrações – como conversas, saraus, leitura dramática, shows, ocupação, lançamento de livro e homenagens (a Elke Maravilha e a Phedra de Córdoba) – e com a participação de grandes personalidades dos meios artístico e literário.

“Desde sempre, a Balada Literária celebra a tudo e a todos, como escritores consagrados e os que estão começando, as tribos diversas, todas as vertentes da poesia [como cantores, atores, pintores, transformistas e fotógrafos]”, diz Marcelino Freire. “Um grande cruzamento de todas essas amizades, que se juntam pela literatura, para não deixar a arte morrer, como querem alguns.”

Para saber mais sobre a programação do evento, clique aqui.

  • Dia:

    quarta 23 de novembro de 2016

  • Horários:

    às 20h

  • Duração:

    90 minutos (aproximadamente)

  • Ingressos:

    R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada) | INGRESSOS ESGOTADOS

  • Classificação Indicativa:

    livre para todos os públicos

  • bilheteria

2017 Auditório Ibirapuera - Alguns direitos reservados