domingo 15 de outubro de 2017

Xenia França

Xenia França

No dia 15 de outubro, a cantora Xenia França realiza o show de lançamento do seu primeiro disco solo, que leva o seu nome como título. Com 13 faixas, a produção apresenta uma face até então desconhecida da baiana: a de compositora.

Integrante também da banda Aláfia, Xenia até então atuava principalmente como intérprete, papel em que se sente confortável. “Sempre gostei de ser intérprete, cresci ouvindo intérpretes, e existe uma magia muito louca na interpretação, de você se apropriar tanto daquela música que parece que foi você que escreveu”, conta. Movida pela vontade de testar o novo, a cantora explica que o desejo de compor veio já no processo final do disco, ao sentir falta de alguma canção sua entre as já escolhidas. “Talvez sejam as músicas de que tenho mais orgulho; elas me surpreenderam muito, cresceram, criaram personalidade. É um caminho em que estou me aventurando aos poucos, mas já me dá muito prazer.”

“Mulher, negra e nordestina” são palavras que Xenia usa para se definir, e é nesse sentido que o seu disco se desenvolve. Músicas de compositores já consagrados, como Chico César e Tiganá Santana, misturam-se a letras autorais que passam mensagens comuns sobre identidade, questões raciais e femininas, além de reivindicações de espaço e voz. “O poder de dar a voz a algo é uma coisa muito potente, porque até um tempo atrás as pessoas pretas não podiam nem falar”, explica.

O repertório do espetáculo contempla as canções do disco e também outras que ainda não foram gravadas. A cantora se apresenta com uma banda composta de cinco integrantes, o que se mostra um pouco difícil ante um disco que contou com a participação de um time de aproximadamente 25 músicos. “O desafio deste show é imprimir a estética, a delicadeza e tudo o mais do Xenia em uma apresentação ao vivo com bem menos pessoas”, diz ela. Com interpretação na Língua Brasileira de Sinais (Libras), o evento tem convidados especiais e projeções.

Compre aqui o seu ingresso.

 

 

  • Dia:

    domingo 15 de outubro de 2017

  • Horários:

    às 19h

  • Duração:

    90 minutos (aproximadamente)

  • Ingressos:

    R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)

  • Classificação Indicativa:

    livre para todos os públicos

  • bilheteria

2017 Auditório Ibirapuera - Alguns direitos reservados