Qual o objetivo de um gráfico?

Perguntado por: ehilario . Última atualização: 16 de maio de 2023
4.6 / 5 9 votos

Gráfico é uma representação geométrica de um conjunto de dados usada para facilitar a compreensão das informações apresentadas nesse conjunto. Gráficos ajudam a identificar padrões, verificar resultados e comparar medidas de forma ágil.

Produzir uma impressão mais rápida do fenômeno em estudo.

Gráfico de barras é uma das diversas formas de representar dados de forma visual. Ele é indicado quando se busca cruzar dados que tenham algum tipo de relação e que, quando confrontados, expressam um desempenho qualquer.

Gráficos são representações utilizadas em análises informativas ou de valores numéricos. Esses dados são transmitidos por pontos, linhas e formas geométricas. Servem para destacar a dimensão estática dos fenômenos, indicar padrões e tendências, além de comparar determinadas circunstâncias em um período de tempo.

3 dicas para ler e interpretar gráficos

  1. Confira se as informações do gráfico batem com as do enunciado do exercício. ...
  2. Entenda qual tipo de informação está destacada no eixo vertical e qual está no eixo horizontal. ...
  3. Interprete com calma, pois geralmente as questões são contextualizadas.

Habilidade da BNCC
(EF03MA26 EF0327) Coleta, classificação, organização e representação de dados em tabelas de dupla entrada e gráficos em barras verticais e horizontais (variáveis categóricas; legenda; título; fonte de dados; elementos de uma tabela; eixos de dados).

Desenvolver a habilidades para ler informações matemáticas necessárias na vida escolar; Diferenciar linhas horizontais e verticais; Testar hipóteses; Desenvolver noção espacial no papel.

Os gráficos, são uma tentativa de expressar visualmente dados ou valores numéricos, de maneiras diferentes, para facilitar a compreensão dessas informações. Podem ser aplicados nas mais diversas áreas, como na política, na economia e no âmbito empresarial.

Gráficos de linhas, barras e colunas representam mudanças ao longo do tempo. Pirâmides e gráficos de pizza exibem partes de um todo. Enquanto gráficos de dispersão e mapas de árvores são úteis se você tiver muitos dados para visualizar.

Ao utilizar gráficos em sua análise de dados, você consegue comunicar informações de maneira mais clara e acessível para toda a empresa. Além disso, os gráficos podem ser personalizados de acordo com as necessidades da empresa, permitindo que você visualize as informações de maneira mais adequada para cada caso.

O diagrama de dispersão é uma ferramenta gráfica que permite visualizarmos com clareza a correlação entre duas variáveis nos negócios de uma empresa. Muito utilizada como uma ferramenta de qualidade, o diagrama aponta tendências e padrões.

Os gráficos de colunas são úteis para mostrar alterações de dados durante um período ou para ilustrar a comparação entre itens. Nos gráficos de colunas, as categorias são geralmente organizadas ao longo do eixo horizontal e os valores ao longo do eixo vertical.

Os gráficos apresentam o mesmo que as tabelas, informações numéricas. Todavia, destinam-se a passar informações sobre a evolução dos valores numéricos, com o objetivo de atestar uma tendência (seja ela de queda ou de alta) dos valores.

Tipos de Gráficos

  • Gráficos de coluna. Juntamente aos gráficos em barra, são os mais utilizados. ...
  • Gráficos em barra. ...
  • Gráficos em pizza. ...
  • Gráficos em linhas. ...
  • Gráfico de áreas. ...
  • Gráfico em rede.

Os sete elementos básicos do design gráfico são linha, forma, cor, textura, tipo, espaço e imagem.

4 passos para descrever gráficos

  1. Tipo de gráfico. É um gráfico de barras? De colunas? ...
  2. Tipo de dado. Qual tipo de dado é apresentado no gráfico? ...
  3. Propósito do gráfico. Qual o propósito do gráfico no contexto em que está inserido? ...
  4. Link para os dados na íntegra. Não inclua link na descrição da imagem.

Há várias boas razões para se usar representações gráficas em lugar de uma explicação textual. Dentre outras e a principal talvez, é a de que uma figura substitui muitas palavras. Com isso otimiza-se o uso do espaço disponível, a leitura ganha velocidade, e torna-se mais atrativa.

A interpretação de gráficos se tornou uma habilidade essencial em qualquer meio, mas principalmente dentro das empresas. Afinal, os gráficos são uma forma bastante efetiva e clara de representar informações, bem como suas correlações e contextos.

5 dicas para fazer análise gráfica

  1. A missão é encontrar tendências nos preços. ...
  2. Domine a formação de candles. ...
  3. Comece por topos, fundos, resistência e suporte. ...
  4. Estude as linhas de tendência. ...
  5. Conheça os indicadores de análise gráfica.