Qual é a definição para erosão?

Perguntado por: opimenta . Última atualização: 19 de maio de 2023
4.1 / 5 7 votos

Erosão é o sistema de deterioração dos solos e rochas provocado por agentes naturais (chuva, água, vento, gelo, clima, etc.) e antrópicos (intervenção humana).

A erosão é um fenômeno da natureza em que a degradação dos componentes do solo é dada por meio de agentes naturais como a chuva, vento, água de rios, gravidade, ou mesmo por ações equivocadas do homem. Com estas modificações o solo é deslocado e transportado para partes mais baixas do seu território.

A erosão atua na formação dos relevos e pode ocorrer pela ação dos ventos (eólica), das chuvas (pluvial), dos rios (fluvial), do gelo (glacial), do mar (marinha) e até do ser humano (antrópica).

2. Como podemos defini r a erosão? Processo que sofrem os solos pelo escoamento superficial das águas de chuvas.

Dois tipos de erosão podem acontecer em diferentes estágios ao longo de um rio, que são a vertical (no leito) e a lateral (nas margens). A capacidade erosiva de um rio depende principalmente da sua velocidade, que, quanto maior for, maior será a rapidez com que o solo será transformado.

Erosão é um processo natural de desgaste do solo, geralmente ocorrendo de áreas mais altas para mais baixas. Pode ser agravada pelas ações do ser humano, como o desmatamento. A erosão é um processo natural e presente na dinâmica do planeta há milhares de anos (tempo geológico).

A erosão do solo é um processo que consiste em três fases: desagregação das partículas de solo, transporte e deposição. A desagregação surge pelo impacto da gota da chuva e o transporte pela ação da energia de escoamento superficial sob influência direta da gravidade.

A erosão causada pelo vento se chama eólica, é a retirada superficial de fragmentos mais finos. É o desgaste físico das rochas através, principalmente, do impacto e/ou atrito de partículas transportadas pelo vento. O vento "esculpe" as rochas lhes atribuindo formas.

Assim, além de paisagens menos férteis, pois gradualmente o solo perde os nutrientes necessários para as plantações na agricultura, a erosão provoca a morte da fauna e da flora do fundo de rios e lagos por soterramento e turvação das águas - dificultando a fotossíntese das algas à luz solar, necessária para a limpeza e ...

Saiba o que você pode fazer!

  1. Conheça a capacidade do solo. A erosão do solo pode ser evitada usando a terra dentro de sua capacidade. ...
  2. Invista em cobertura de superfície. ...
  3. Realize o cultivo em faixas. ...
  4. Aposte no Sistema de Plantio Direto. ...
  5. Utilize fertilizantes organominerais.

A primeira etapa da erosão inicia-se com o desprendimento ou desagregação da estrutura do solo. Geralmente, tanto o revolvimento do solo, como o impacto da gota da chuva sobre a estrutura do solo, desprendem as partículas mais finas (argilas).

A erosão é um processo natural, porém pode ser intensificado pela atividade humana. Ela ocorre pela transformação e pelo desgaste do terreno devido à ação de agentes externos, como chuva, vento e sol. A destruição da vegetação natural remove a proteção do solo e resulta em um maior desgaste da superfície.

O solo pode ser dividido em quatro tipos: arenoso, argiloso, humoso e calcário.

A erosão do terreno é essencialmente o movimento da terra de um lugar para outro sob a influência do sol, do vento e da água. Estes são fatores naturais, e as práticas do agronegócio, desmatamento, queimadas, monocultura, uso de fertilizantes, pastagem excessiva são fatores artificiais na erosão do solo na agricultura.

A erosão é uma transformação no solo e nas rochas, ou melhor, o processo de desgaste, transporte e sedimentação do solo e das rochas. Ocorre de forma natural, mas pode ser intensificada e até provocada pela ação humana.

A erosão de ravina é a que provoca erupções mais abruptas, gerando buracos e rachaduras profundas, enquanto a erosão voçoroca é a mais profunda de todas — definida quando a rachadura já atinge o lençol freático da terra.

A erosão das margens de rios e lagos, por causa da supressão vegetal, causam o depósito de sedimentos e em decorrência o assoreamento, o processo se agrava quando se instala reservatórios artificiais, mudando o equilíbrio dos cursos d'água próximos ao reservatório, ocasionando problemas relativos a erosão e ...

1 corrosão, desgaste, gasto, degradação, descomposição, destruição, deterioração, modificação.

Exemplos de erosão fluvial
Um exemplo é o Delta do Rio Nilo, na África. Já na região amazônica, a erosão fluvial é chamada de terra-caída pelas populações ribeirinhas. Um fenômeno que provoca vários danos socioambientais na paisagem, assim como nas proximidades do Rio Amazonas.